Saiba porque Filadélfia não tem mais casos suspeitos


https://jflink.ml/YyDEI

Saiba porque Filadélfia não tem mais casos suspeitos
Foto: Divulgação

Compartilhe


Muitas pessoas principalmente no município de Filadélfia vem se perguntando, porque os casos ativos da Covid-19 vem aumentando cada dia se não tem casos suspeitos.

Para responder esta dúvida, o JF consultou a Secretaria Municipal de Saúde. O motivo de não ter casos suspeitos, está relacionado exclusivamente à agilidade do teste da covid-19.

Antigamente, os testes eram realizados através do teste rápido com a coleta de sangue, onde o resultado não era muito preciso. Uma vez que um paciente testava positivo neste teste rápido, era feito o teste RT-PRC e enviado para o laboratório Lacen-TO em Palmas para tirar a contraprova. Enquanto aguardava a análise do laboratório, o paciente supostamente infectado ficava marcado como suspeito no boletim Epidemiológico Municipal.

Atualmente os testes rápido de sangue foram descartados. Em Filadélfia é utilizado um novo teste que é fornecido pelo o Governo Estadual. Ele é chamado de sWab PRC (rápido). Esse teste é semelhante ao teste RT-PRC, a diferença é que o resultado é mostrado menos de 30 minutos. É um teste de antígeno da Covid-19.

Quando um paciente vai para o hospital com algum sintomas da Covid-19, então é feito o teste com o sWab PRC, como o resultado sai rápido, por está razão não é mais registrado número de suspeitos.

Hoje podemos assemelhar os casos suspeitos com as pessoas que são monitoradas. Estas pessoas que estão sendo monitoradas, elas tiveram contato ou moram na mesma casa que a pessoa que testou positivo. Elas são monitoradas para ver se vão ou não apresentar os sintomas da Covid-19. Caso apresente, os mesmos serão submetidos ao teste sWab PRC rápido.

Não confunda com testes de anticorpos


Diferentemente do teste de antígenos (que é semelhante ao PCR), os kits rápidos procuram por anticorpos no sangue. Por isso é recomendado fazer, pelo menos, 40 dias após a infecção. Nesse de anticorpos, o objetivo é "caçar" IgM e IgG, anticorpos produzidos pelo corpo após o contato com o Sars-CoV-2.

O IgM começa a ser produzido entre cinco e sete dias após a infecção pelo vírus. Já o IgG é um anticorpo mais específico que permanece circulando mesmo após o fim da fase aguda, indicando que a pessoa está, teoricamente, protegida de futuras infecções.

Tags : Covid-19, teste rápido, sWab PRC rápido, agilidade, Filadelfia

Ao clicar em "comentar", você declara que leu, entendeu e concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Subir para o topo