Tocantins registra 38 afogamentos em 2022; três mortes ocorreram em julho


https://jflink.tk/6YdSG

Chácara Águas do Araguaia, em Caseara, local onde rapaz de 20 anos desapareceu — Foto: Divulgação
Chácara Águas do Araguaia, em Caseara, local onde rapaz de 20 anos desapareceu — Foto: Divulgação

Compartilhe


Pelo menos 38 pessoas morreram afogadas em praias e balneários do Tocantins, entre janeiro e julho deste ano, segundo levantamento do Corpo de Bombeiros. Neste mês já são três ocorrências registradas e do total de casos, 71% das vítimas não sabia nadar.

O último caso foi registrado no domingo (24), quando o corpo de um homem de 42 anos foi encontrado boiando a um quilômetro da Praia da Tartaruga, em Peixe, no final da manhã deste domingo (24). A vítima foi levada até a margem direita do Rio Tocantins e o Instituto Médico Legal (IML) recolheu o corpo.

Na sexta-feira (22), Gustavo Lourenço Rodrigues, de 20 anos, se afogou no rio Araguaia, na zona rural de Caseara, no oeste do estado. Ele desapareceu à tarde e na manhã de sábado (23), começaram as buscas. O corpo foi encontrado durante a tarde.

imagem
Jovem morreu afogado no rio Araguaia — Foto: Arquivo pessoal

Conforme levantamento feito de janeiro a junho deste ano, das vítimas registradas, 83% eram homens, 47% haviam ingerido álcool e 71% não sabia nadar. Com relação aos locais onde ocorreram os afogamentos, nenhuma das mortes aconteceu em praias oficiais. Entretanto, 53% foram em rios do Tocantins, 58% em trechos com correnteza, 25% em acampamentos. Os dados de julho ainda não foram incluídos no balanço.

Em 2021, o número de pessoas que perderam a vida nos rios chegou a 77. E o dado aumento, já que em 2020, foram 73 afogamentos.

Neste ano, os bombeiros classificaram 17 praias como as mais perigosas do estado, levando em consideração volume de público, extensão, localização, presença de embarcação, banhistas com comportamento de risco, locais profundos próximos às áreas de banho, correntezas, pedras e animais aquáticos. Em todo estado são 80 praias oficiais e mais de 500 balneários.


Fonte: G1/TO

Tags : Rio, praia, afogamento, balanço, Tocantins

Ao clicar em "comentar", você declara que leu, entendeu e concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Subir para o topo