Novembro inicia com alerta sobre os cuidados com saúde integral do homem


https://jft.news/Nb1eo

Novembro inicia com alerta sobre os cuidados com saúde integral do homem
Foto: Divulgação

Compartilhe


Com a perspectiva de discutir a temática do câncer de próstata, o “Novembro Azul”, quer ampliar o foco dos debates em 2019, se voltando à saúde integral do homem. Nesse sentido, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) realiza no dia 6 de novembro, às 15 horas, uma webconferência a fim de orientar gestores, coordenadores e profissionais de saúde, para desenvolver ações acerca do tema durante o mês. A webconferência poderá ser acessada pelo link http://www.telessaude.uft.edu.br/bbb/entrar-sala/466

Nos últimos anos, diversas ações e atividades relacionadas ao tema são desenvolvidas no Tocantins e em todo território nacional. Segundo o Ministério da Saúde, é importante frisar a saúde integral do homem. Assim, deve-se ressaltar a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem, instituída em 2009, que visa promover a melhoria das condições de saúde da população masculina brasileira, buscando contribuir, para a redução da morbidade e da mortalidade dessa população, por meio do enfrentamento dos fatores de risco e mediante a facilitação ao acesso, às ações e aos serviços de assistência integral à saúde.

O gestor em saúde da área técnica de Saúde do Homem, da SES Tárley Abdalla, destacou que muitas vezes o homem tem certa resistência ao autocuidado e a prevenção. “É comum que os homens demorem a procurar atendimento, permitindo que os casos se agravem e ocasionando, ao final, maiores problemas e despesas para si e para o sistema de saúde, que é obrigado a intervir nas fases mais avançadas das doenças”, disse.

No Tocantins, até o mês de outubro deste ano, já foram diagnosticados 136 casos de câncer de próstata, em 2018, foram 250 novos casos. Em 2018 foram registrados 132 óbitos por câncer de próstata e este ano já foram registrados 99.

Suporte aos municípios


A SES oferece todo o apoio institucional por meio de assessorias presenciais, telefone, e-mail, webconferência e videoconferência aos gestores, coordenadores e técnicos municipais do SUS sobre a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem. São oferecidos os principais eixos e os instrumentos de adesão; diagnóstico situacional; planejamento de ações; relatório de ações; horário diferenciado de atendimento e material de apoio técnico como os guias de saúde do homem para Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e do pré-natal do parceiro para profissionais de saúde; cartazes e folders diversos sobre o tema.


Fonte: Secom-TO

Tags : Novembro azul, próstata, câncer, saúde.

Ao clicar em "comentar", você declara que leu, entendeu e concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Subir para o topo