Adolescente em Araguaína é suspeita de matar a própria filha pós-parto; ela escondeu a gravidez


https://jft.news/S2ZOp

Adolescente em Araguaína é suspeita de matar a própria filha pós-parto; ela escondeu a gravidez

Compartilhe


A morte de uma recém-nascida está sendo investigada pela polícia em Araguaína. De acordo com a Polícia Militar, a criança foi encontrada no chão do banheiro de uma casa com perfurações no tórax. A suspeita é de que a menina tenha sido morta pela própria mãe, uma adolescente de 16 anos. O caso aconteceu no dia 28 de maio.

A PM informou que foi chamada por volta das 20h no Hospital Dom Orione. Ao chegar no local, uma conselheira que acompanhava o caso informou que a menor deu entrada alegando ter sofrido um aborto espontâneo. Só que exames médicos apontaram que ela teve uma gestação normal e teria entrado em trabalho de parto.

A sogra da adolescente levou a PM até a casa em que a adolescente mora, no setor São João. No local, os militares encontraram uma recém-nascida do sexo feminino morta no chão do banheiro.

Ainda de acordo com a polícia, a perícia foi chamada e verificou que a bebê tinha perfurações no tórax e nas costas. A sogra contou que suspeitava da gravidez, mas a adolescente negava de todas as formas e disfarçou o crescimento da barriga.

A adolescente foi autuada em flagrante por ato infracional semelhante a homicídio. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) caso será investigado pela Delegacia da Criança e Adolescente de Araguaína.


Fonte: G1

Tags : Aborto, Plantão 190, Adolescente, Araguaína.

Ao clicar em "comentar", você declara que leu, entendeu e concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Subir para o topo